domingo, 8 de novembro de 2009

Rameau: Castor et Pollux / Marc Minkowski & Magdalena Kozená




Claude Lévi-Strauss apreciava muito Jean-Philippe Rameau (1682-1764) compositor do barroco francês. O músico foi objeto de seu crivo analítico em Olhar, escutar, ler. (São Paulo: Companhia das Letras, 1997.


Escolhi a introdução da ópera Castor et Póllux (1737), com Marc Minkowisk, condução, Magdalena Kozená, mezzo-soprano e Musiciens du Louvre.


Fica como singela homenagem ao mestre desaparecido.


video

Nenhum comentário: